Quinta da Nostalgia: Um trio natalino cinematográfico

Para o Quinta da Nostalgia de hoje, eu escolhi um trio de filmes que representam muito bem o espírito, o clima e o universo natalino no cinema. Filmes clássicos que marcaram a época, mas que se eternizaram por vários fatores, tais como a qualidade de roteiro, capricho técnico e atuações magníficas! Obras cinematográficas que ainda conseguem manter a magia de emocionar plateias do mundo inteiro. Confiram abaixo os três filmes escolhidos e a história nostálgica de cada um deles!

– Milagre na Rua 34 (Miracle on 24th Street)

Uma história mágica de 1947 que tornou-se símbolo cinematográfico de comemoração do Natal. Os preparativos para a festa de Natal estão a todo o vapor quando um senhor de olhos brilhantes, respeitável barriga e barba branca (Edmund Gwenn) é contratado para trabalhar como Papai Noel em uma loja de departamentos. Ele diz que seu nome é Kris Kringle e todos ficam empolgados com o seu espírito de Natal, menos a chefe Doris Walker (Maureen O’Hara), que ensina a própria filha Susan (Natalie Wood) que Papai Noel não existe. Mas quando Kris Kringle é considerado maluco e enviado a um tribunal para ser julgado, a fé de todos é colocada à prova, pois crianças e adultos terão que responder à uma única e antiga pergunta: Você acredita em Papai Noel?

Prêmios: Vencedor do Oscar (1947) nas categorias Melhor Ator Coadjuvante (Edmund Gwenn), Melhor História Original e Melhor Roteiro. Ele também Foi indicado a melhor filme mas perdeu para Gentleman’s Agreement.

Curiosidades: O roteiro do filme foi adaptado da história do livro “Milagre na Rua 34” de Valentine Davies.

Em 2005 o filme foi selecionado para preservação pela Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos.

Existem quatro refilmagens e um musical da Broadway que adapta a história. Em 1955, foi adaptado para a TV americana com Thomas Mitchell, Macdonald Carey, Teresa Wright e Sandy Descher, na The 20th Century Fox Hour. O programa foi reprisado com o título mudado para Meet Mr. Kringle.

Ed Wynn interpretou Kris em uma adaptação televisiva de 1959. O programa foi ao ar a cores pela NBC no dia após o feriado de Ação de Graças.

Em 1963 a versão como musical da Broadway, chamada Here’s Love, foi escrita por Meredith Willson.

A refilmagem para o cinema foi estrelada em 1994 por Richard Attenborough, Elizabeth Perkins, Dylan McDermott, J. T. Walsh e Mara Wilson. O roteiro foi adaptado por John Hughes do roteiro de Seaton e a direção foi de Les Mayfield.

A loja Gimbels não existia em 1994 e foi substituída por Shopper’s Express.

Miracle-On-34th-Street-Fox

miracle-34th-street-quotes

Miracle-on-34th-Street_pictures

 

– A Christmas Carol

Nesta produção de Hollywood é adotada uma abordagem mais concisa sobre a obra literária deCharles Dickens. Ebenezer Scrooge (Reginal Owen), é avisado pelo fantasma de Marley (Leo Carroll) na véspera de Natal que ele deve mudar os seus caminhos miseráveis ou enfrentar uma terrível condenação. Ele é informado que receberá a a visita de 3 fantasmas que mostrarão o passado, as ações egoístas do presente e as consequências para o futuro, que inclui sua própria morte e a de Tiny Tim. Scrooge muda de comportamento no dia de Natal e assim, consegue se salvar e também salvar Tiny Tim.

Curiosidades: O filme foi realizado pela Metro-Goldwyn-Mayer, e originalmente destinados a estrela do cinema Lionel Barrymore (ator que interpretava o papel do personagem Scrooge anualmente no rádio, mas infelizmente ele foi forçado a desistir do filme por causa de uma artrite.)

O filme foi estrelado por Reginald Owen como Scrooge e o casal Gene e Kathleen Lockhart como os personagens Cratchits. Terry Kilburn, mais conhecido por sua interpretação de Colley em Adeus, Mr. Chips, co-estrelou como Tiny Tim e a jovem June Lockhart apareceu como uma das filhas Cratchit.

A música do filme foi composta por Franz Waxman, em contraste com a maioria dos filmes da MGM do período, cujas pontuações foram feitos por Herbert Stothart.

Alguns dos aspectos mais sombrias da história foram completamente dispensados, a fim de tornar a obra do cinema um “filme de família” no estilo de outras adaptações literárias da MGM, e também para acomodar o tempo de duração de 69 minutos. Embora o fantasma de Marley apareceu no filme, os fantasmas que lamentavam fora da janela de Scrooge não foram mostrados. A noiva de Scrooge, que o deixa por causa de seus avareza, foi completamente retirada do filme, o que também aconteceu com as duas crianças famintas”Want” e “Ignorance”, que se esconderam dentro das dobras do fantasma do manto de presente de Natal.

Uma das mudanças feitas neste filme que difere do romance é o horário da chegada dos fantasmas. Enquanto o primeiro chega às 1:00, o segundo aparece em 2:00 e o terceiro aparece em 3:00. Na obra original, a segunda aparece na noite seguinte às 1:00 e o terceiro aparece somente na próxima noite. Essa mudança também foi utilizada em outras versões da história, como nos filmes Scrooge (1970), Conto de Natal de Mickey (1983), e A Christmas Carol (1984), e muitos outros seguintes.

Esta versão de 1938 foi a mais famosa da história dos Estados Unidos, porém perdeu popularidade para o filme Scrooge (1951), depois que esta versão ganhou uma grande exposição na televisão em 1970.

a-christmas-carol

a-christmas-carol_01

terry_kilburn_acc

– A felicidade não se compra (It’s a Wonderful Life)

O que seria do mundo sem você? Como seria a vida das pessoas ao seu redor se você não existisse? O clássico que nos faz refletir sobre nossa influência no comportamento e na vida de quem nos cerca unidos por um laço invisível.

Filme de Natal americano de 1946 produzido e dirigido por Frank Capra, baseado no conto “The Greatest Gift” de Philip Van Doren Stern escrito em 1939 e publicado em 1945. O filme é hoje considerado um dos filmes mais populares no cinema americano e devido a inúmeras apresentações de televisão na década de 1980 tornou-se uma exibição tradicional durante a época do Natal.

Clarence (Henry Travers) é um candidato a ocupar o posto de anjo que desce do céu para convencer George Bailey (James Stewart) a não cometer suicídio, pois é um homem importante na vida de muitas pessoas. Se a missão for concluída, Clarence ganharia finalmente um par de asas.

George Bailey, homem admirado por todos na cidade, abre mão do sonho de estudar, viajar e conhecer o mundo para cuidar do do legado da empresa em que o pai trabalhava antes de morrer. Perdido e desesperado em meio aos golpes de Henry Potter (Lionel Barrymore), o homem mais rico da região, George pensa em se suicidar saltando de uma ponte. Clarence desce do céu e tenta persuadi-lo a desistir da atitude, declarando a importância da vida dele para muitas pessoas. George está cético e por isso, o anjo resolve mostrar a ele as cenas de como seria a vida, caso ele não fizesse mais parte dela.

A atuação de Henry Travers como anjo é excepcional e carrega comicidade na medida certa. O desempenho de James Stewart já nos é conhecido de outros clássicos como “Janela Indiscreta” (1954) e “Vertigo”(1958), ambos de Hitchcock.

MPW-37013

Its-a-Wonderful-Life-Film itsawonderfullifec;arence

 

 

 

Sobre o Autor

Ellen Ferreira
Cineasta e Jornalista. Ama se refugiar no cinema, maratonar séries e ouvir trilhas sonoras de filmes enquanto trabalha. Gostaria de ter trocado correspondências de amizade com o genial J.R.R Tolkien e de ter dirigido os filmes da era de ouro de Hollywood. Dedicada a criar, fazer filmes, pesquisar, escrever histórias e desbravar o máximo da cultura mundial.

Comentários
Vídeo Crítica Clube do Pop: “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar”
segunda-feira, 17h49
Vídeo Crítica Clube do Pop: “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar”

Jack Sparrow está de volta. E com ele retorna uma das franquias mais lucrativas da Disney. Mas será que o novo filme “PIRATAS DO CARIBE: A VINGANÇA DE SALAZAR” consegue…

Ver Post
Som de Segunda: Top 5 – Amy Winehouse
segunda-feira, 18h33
Som de Segunda: Top 5 – Amy Winehouse

  23 de julho de 2011. Família reunida para comemorar o aniversário da avó. Entre temperos, barulho de panela, crianças correndo, e tias conversando, a TV ligada anuncia a morte…

Ver Post
Elenco de Game of Thrones Ganha Um Belo Aumento de Salário
quarta-feira, 5h26
Elenco de Game of Thrones Ganha Um Belo Aumento de Salário

  Para um protagonista, o bom de se estrelar uma série de sucesso é nunca ter que se preocupar na hora de renegociar o contrato. E, em uma série como…

Ver Post
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com