Trilhas Sonoras Inesquecíveis

Uma e John

Crédito: CinemagraphCollection.Com

Uma boa trilha sonora faz toda a diferença em um filme. Ela é capaz de criar climas e fazer o espectador viajar no tempo por meio do som. Sem contar que uma música bem escolhida pode mudar a recepção de uma cena simples.

Ao contrário do que muita gente acredita, a trilha sonora de um filme não é composta apenas pelas músicas “populares”, mas também das músicas e sons de fundo que acompanham a cena – como aqueles que caracterizam cenas de ação e suspense, por exemplo. Apesar disso, são as canções que são gravadas em coletâneas dos filmes que caem no gosto do público e fazem com que algumas cenas sejam marcantes.

Um diretor mestre em selecionar músicas arrebatadoras para os seus filmes é Quentin Tarantino. Em Pulp Fiction, por exemplo, todo mundo que assistiu lembra de pelo menos duas cenas que ficaram marcadas pelas músicas. Na primeira, Uma Thurman dança com John Travolta a canção “You Never Can Tell”, de Chuck Berry. Em outro momento, Uma imortaliza a faixa “Girl, You’ll be a Woman Soon”, da banda Urge Overkill. Nesse caso, o diretor optou por fazer uma compilação de músicas que ele achou que tinham a ver com o filme. Esta, aliás, é uma das mais elogiadas do cinema.

 

Outra trilha que vem chamando atenção é do filme Os Guardiões da Galáxia, da Marvel, que traz na coletânea músicas que marcaram os anos 1970 e 1980 como “Ain’t No Moutain High Enough”, de Marvin Gaye e Tammi Terrell, e “Cherry Bomb”, das Runaways. Em outros casos, os produtores escolhem um artista para que façam músicas originais para os filmes. Outro exemplo recente é a trilha sonora do filme “Her”, lançado ano passado, cujas faixas foram compostas pelo Arcade Fire.

Para ilustrar o texto, selecionei três cenas das quais eu gosto muito e que ficaram marcadas por conta das músicas.

 

(500) Days of Summer (500 Dias com Ela)

Uma das minhas cenas preferidas do filme é quando Summer (Zooey Deschanel) pega elevador com Tom (Joseph Gordon-Levitt), comenta a música que ele está ouvindo e cantarola um trecho de “There Is A Light That Never Goes Out”, dos Smiths.

 

Ferris Bueller’s Day Off (Curtindo a Vida Adoidado)

Esse deve ter sido um dos filmes que mais vi na vida. Depois de aprontar todas com sua turma, Ferris Bueller (Matthew Broderick) agita uma parada alemã na cidade de Chicago ao som de “Twist and Shout” dos Beatles.

 

Almost Famous (Quase Famosos)

Após brigar com os integrantes de sua banda, Russel (Billy Crudup) passa a noite em uma festa repleta de drogas e álcool. Na manhã seguinte, seus companheiros vão resgatá-lo para que possam seguir a turnê da banda. Na volta para o ônibus, o grupo, ainda pra baixo por conta da briga, começa a ouvir “Tiny Dancer”, de Elton John, até que todos começam a cantar juntos. Lindo demais!

Sobre o Autor

PH Rosa
Jornalista, autor de contos que nunca viram a luz do dia, viciado em música e comprador compulsivo de livros, discos e tênis. Se diz bom amigo, mas prefere ir ao cinema sozinho. Ama descobrir novos sons e escrever sobre canções que causam arrepio.

Comentários
Calendário das Séries do Fall Season 2015
segunda-feira, 19h38
Calendário das Séries do Fall Season 2015

    Agora que já passou o Emmy,  as novas temporadas das séries e as estreias já estão prontas para mostrar o que tem de melhor. Hoje começa oficialmente o…

Ver Post
Episódios de Ash Vs Evil Dead Ganham Títulos e Sinopses
sexta-feira, 20h01
Episódios de Ash Vs Evil Dead Ganham Títulos e Sinopses

  O time por trás da série Ash vs Evil Dead realmente não dorme em serviço. Após a divulgação do primeiro teaser em maio, não demorou muito para que o primeiro…

Ver Post
[Trailer] Sherlock Está de Volta!
quarta-feira, 18h39
[Trailer] Sherlock Está de Volta!

  O novo trailer do especial de Natal de Sherlock já está entre nós! E com ele temos a volta do infame bigode de John Watson e do querido chapéu de…

Ver Post
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com