Quinta da Nostalgia: Top 5 – Filmes da Xuxa

 

Maria da Graça Meneghel, a nossa Xuxa, é um forte nome e uma grande marca na história da televisão brasileira. Apresentadora, atriz, cantora infantil, modelo, vencedora de dois Grammy Latino, empresária, idealizadora de projetos sociais…. Ufa… São tantas qualidades de Rainha dos Baixinhos que o império de entretenimento da lourinha gaúcha está cada vez maior e mais sólido.

No último dia 17 de Agosto, o Brasil pode conferir a estreia do novo programa da Xuxa na Rede Record, o “Xuxa Meneghel”. Em uma emissora nova e com um visual repaginado, vimos uma Xuxa mais solta e bem interativa com a plateia e com o público fiel de casa. Afinal, quem nunca respondeu a uma entrevista de emprego com as letras “Lua de Cristal” , “Abecedário da Xuxa” e “Arco- Íris, não é mesmo?

xuxarecord

Nesse clima de reencontro com a Rainha dos Baixinhos para a telinha da nossa TV (e por que não dizer, celular, tablet, computador…), o Quinta da Nostalgia de hoje é uma homenagem a trajetória de sucesso de Xuxa no nosso cinema nacional.

Nome marcante na história do cinema brasileiro, ela é dona da maior média de público desde a retomada do cinema nacional. O maior sucesso de bilheteria foi o filme Lua de Cristal (1995), com o montante de 5 milhões de espectadores e com o acúmulo da maior bilheteria do cinema brasileiro, com mais de 37 milhões de pessoas. Ela é a artista brasileira que mais atraiu espectadores aos cinemas nas últimas quatro décadas.

Xuxa lançou 17 filmes infantis, dentre os quais 5 foram realizados em parceria com Os Trapalhões: “O Trapalhão na Arca de Noé” (1983), “Os Trapalhões e o Mágico de Oroz” (1984), “Os Trapalhões no Reino da Fantasia” (1985), “A Princesa Xuxa e os Trapalhões” (1989) e “Xuxa e os Trapalhões em O Mistério de Robin Hood” (1990). No ano de 1988, Xuxa estreou o primeiro filme como protagonista com o longa “Super Xuxa contra o Baixo Astral”.

Então corra para pegar a sua pipoca, o seu guaraná, sente-se confortável na sua cadeira e relembre conosco a filmografia top 5 de Xuxa!

 

xuxarua

 

>>> Quinto lugar: Xuxa e os Duendes – (2001) 

Com mais de 2 milhões e meio de espectadores, o longa foi dirigido por Paulo Sérgio de Almeida. Um produção dos estúdios Xuxa Produções e Diler Trindade com distribuição da Warner Bros.

No filme, conhecemos a história de Kira (Xuxa), uma botânica que vive a aventura de tentar salvar um duende preso em uma parede por uma poderosa força mágica. O longa tem grandes nomes da televisão e do cinema no elenco, como: Ana Maria Braga, Emiliano Queiroz, Gugu Liberato, Angélica, Luciano Huck e Wanessa Camargo.

 

>>> Quarto lugar: Super Xuxa contra o Baixo Astral (1988)

Com mais de dois milhões e oitocentos mil espectadores, o longa foi dirigido por Anna Penido e co-dirigido por David Sonneschein.

No filme Xuxa é uma apresentadora de televisão que incentiva a pintura de muros pichados pela cidade. O vilão da história é Baixo Astral, que vive pelos esgotos da cidade e decide se vingar da apresentadora sequestrando o cachorro, Xuxo. Apesar de ser um cachorro, o personagem foi dublado pela atriz e dubladora Nair Amorim que também dublou Velma Dinkley por mais de quarenta anos no “Scooby-Doo”; Audrey Hepburn nos filmes A Princesa e O Plebeu” (1953) e “Cinderela em Paris” (1957) ; Julie Andrews em “A Noviça Rebelde” (1965) e dentre tantas outras centenas de dublagens. Outra participação em dublagem foi da cantora Sandra de Sá que dublou Almofadona, um sofá que aconselha a lourinha no início do filme.

Um dos roteiristas é Antônio Calmon que escreveu grandes novelas como “Top Model” (1989), “Vamp” (1991) e grande filme brasileiro que concorreu ao Oscar “O Quatrilho” (1995).

O figurino de Xuxa foi inspirado no curta “Captain EO”, estrelado por Michael Jackson em 1987.

https://www.youtube.com/watch?v=FmqsBKZ1FY0

 

>>> Terceiro lugar: O Trapalhão na Arca de Noé (1983)

O filme levou 2.850.000 de pessoas aos cinemas de todo o Brasil. Ele foi dirigido por Del Rangel e estrelado por Renato Aragão.

Preocupados com a proteção dos animais, o faxineiro do zoológico Duda (Renato Aragão) e seus amigos são convidados por Noé para defender a fauna do Pantanal de perigosos contrabandistas.  Segundo o próprio Renato Aragão, o filme inspirado na obra-prima do cinema de Hollywood “Caçadores da Arca Perdida” (1981), do espetacular Steven Spielberg.

O longa-metragem marcou a estreia de Xuxa na franquia dos filmes dos amigos Trapalhões.

 

trapalhaoarca

BBC.org

 

>>> Segundo lugar: A princesa Xuxa e os Trapalhões (1989)

Com mais de 4 milhões e trezentos mil expectadores, o filme foi dirigido por José Alvarenga Jr. e estrelado pelo grupo humorístico Os Trapalhões e rainha Xuxa.

No filme conhecemos o diabólico Ratan (Paulo Reis), do planeta Antartoma, que tem o poder depois da morte do imperador e força as crianças ao trabalho escravo. Mantida dentro do palácio, a Princesa Xeron (Xuxa) pensa que todos são felizes. Do lado de fora, os atrapalhados príncipes Mussaim (Mussum), Zacaling (Zacarias) e Dedeon (Dedé Santana) se unem ao Cavaleiro Sem Nome (Renato Aragão) para combater Ratan (Paulo Reis) e libertar todas as crianças escravas.

Algumas das famosas crianças Juninho Bill, Rubinho e Amanda Acosta eram os integrantes do grupo musical infantil Trem da Alegria.

Uma imensa curiosidade é que por um breve momento, um menino encontra um adesivo entre objetos antigos do planeta Terra com a inscrição: “Botafogo -Campeão 2010“. O Botafogo estava em um jejum de 21 anos sem conquistar um título e acabou com o título de campeão diante do próprio Flamengo, com gol de Maurício. A profecia do filme  foi cumprida, com a vitória botafoguense sobre o Flamengo por 2 x 1 pela Taça Rio e a conquista do título carioca de 2010 por antecipação. Quem diria que essa profecia se tornaria realidade no dia 18 de abril de 2010, não é mesmo? É o poder da profecia do cinema!

 

 

>>> Primeiro lugar: Lua de Cristal (1990)

A maior bilheteria da filmografia de Xuxa levou mais de 5 milhões de baixinhos e baixinhas na década de 90 para assistir ao filme dirigido por Tizuka Yamasaki. É a maior bilheteria do cinema nacional nos anos 90.

O filme manteve o recorde de público do fim de semana de estreia na história do cinema nacional por 16 anos, até ser superado pelo longa-metragem brasileiro “2 Filhos de Francisco”, em 2006. Na época, “Lua de Cristal“, teve o primeiro fim de semana com a presença de 920 mil espectadores nas salas de cinema do Brasil.

O longa também fez um grande papel solidário de arrecadar 450 toneladas de alimentos para uma campanha da LBA, Legião Brasileira de Assistência. É o lado social da rainha Xuxa mais uma vez protagonista dentro da sua trajetória histórica.

Durante o filme, percebemos que ela usa o nome verdadeiro, Maria da Graça, e nunca é chamada pelo apelido, Xuxa.

A diretora Tizuka Yamasaki, repetiu a parceria com Xuxa no cinema com os filmes seguintes “Xuxa Requebra”, “Xuxa Popstar” e “Xuxa em o Mistério de Feiurinha”.

O disco que chama a atenção de Maria da Graça quando ela tenta trabalhar como caixa do Supermercado Sendas é o disco do cantor “Fábio Junior Ao Vivo”, lançado em 1989, pela concorrente da Som Livre, a extinta gravadora CBS.

O VHS do filme foi lançado no mês de Agosto do mesmo ano, enquanto o longa ainda estava estava em cartaz nos cinemas. Naquela época era super comum que os filmes nacionais estivessem disponíveis nas locadoras um tempo depois da estreia nos cinemas.

 

capaluadecristal

Em 2001, o filme foi lançado em DVD e a Xuxa gravou uma entrevista para o making of nos extras. Somente uma ÚNICA tiragem foi colocada à venda! O exemplar desse DVD é item de colecionador, raro e um tanto caro para se adquirir hoje em dia.

DVDLuadeCristal

 

A última reprise do filme na TV aberta foi no dia 08 de abril de 2004, nesse mesmo dia Xuxa cantou a música no antigo programa da TV Globo, “Xuxa no Mundo da Imaginação”.

 

 

 

 

Sobre o Autor

Ellen Ferreira
Cineasta e Jornalista. Ama se refugiar no cinema, maratonar séries e ouvir trilhas sonoras de filmes enquanto trabalha. Gostaria de ter trocado correspondências de amizade com o genial J.R.R Tolkien e de ter dirigido os filmes da era de ouro de Hollywood. Dedicada a criar, fazer filmes, pesquisar, escrever histórias e desbravar o máximo da cultura mundial.

Comentários
Quinta da Nostalgia: 40 anos de independência de Moçambique e o Cinema
quinta-feira, 18h53
Quinta da Nostalgia: 40 anos de independência de Moçambique e o Cinema

  A primeira ação cultural de Samora Machel, líder militar do governo de Moçambique em 1975, logo após a conquista da independência de Portugal foi a criação do Instituto Nacional de…

Ver Post
Royal Blood Enfrenta Metaleiros e Faz Show Enérgico no Rock in Rio
quarta-feira, 21h15
Royal Blood Enfrenta Metaleiros e Faz Show Enérgico no Rock in Rio

    Uma das bandas de rock mais comentadas do último ano, o Royal Blood enfrentou, na noite do último sábado (19), um dos maiores desafios da carreira até agora:…

Ver Post
[Trailer] Sherlock Está de Volta!
quarta-feira, 18h39
[Trailer] Sherlock Está de Volta!

  O novo trailer do especial de Natal de Sherlock já está entre nós! E com ele temos a volta do infame bigode de John Watson e do querido chapéu de…

Ver Post
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com