Borgen: Mais Uma Série Dinamarquesa de Sucesso

 

Borgen_pipocaeguarana

 

Borgen é uma série dinamarquesa multi-premiada, nomeada ao Emmy em 2012. Ela foi um fenômeno na Dinamarca (e na Europa) e será adaptada para o mercado americano no próximo ano. Mas o que Borgen realmente tem de especial é a capacidade de fazer toda uma nação questionar seus valores. No Brasil, a série recebeu o título de O Governo e foi exibida pelo canal +Globosat.

Borgen é sobre a luta pelo poder e a luta para não se corromper pelo poder. Um drama político cuja protagonista é Birgitte, uma mulher que se torna primeira ministra da Dinamarca. Ela defende o direito dos imigrantes e refugiados, minorias e ecologia. Uma pessoa boa demais para governar um país, e por isso precisa lutar para se manter no poder e manter sua vida familiar estável.

Curiosamente, depois do sucesso da série, a Dinamarca finalmente elegeu a primeira mulher para o cargo de primeira ministra. Não só isso, o número de eleitores aumentou surpreendentemente! O interesse da população por política foi diretamente afetado. Além disso, a série abordou temas importantíssimos como a imigração árabe, territorialismo, legalização da prostituição e alianças internacionais que ficaram em evidência nos jornais e nas conversas por semanas.

Na Dinamarca, a televisão é pública, ou seja, paga e administrada pelo governo. Isso gera consequências: Em primeiro lugar, a TV tem um histórico de ser educativa, uma vez que, sendo paga por impostos e não por anunciantes, não precisa se preocupar em atrair público. Em segundo lugar, isso deixaria o conteúdo sensível aos interesses estatais. Porém a Dinamarca provou ser capaz de produzir conteúdo de extrema qualidade e potencial comercial e as leis de liberdade de expressão permitiram que Borgen criasse polêmica.

O governo na época era extremamente conservador e tentou perseguir, em vão, Adam Price, o criador da série, e Ingolf Gabold, o produtor executivo. Ambos foram taxados de liberais e comunistas mas Adam tomou todo o cuidado de criar partidos políticos fictícios e situações inéditas. Além do mais, Borgen propõe debates e não soluções de direita ou esquerda. Portanto toda semelhança com a realidade é mera coincidência.

Para a tristeza dos europeus, Borgen já chegou ao fim. Adam e Ingolf planejaram desde o início que a série teria apenas três temporadas e o choro da nação não amoleceu o coração deles. Borgen foi o primeiro drama político escandinavo; e em uma terra de drama policiais ele quase não chegou a ser produzido. Talvez, no meio das comédias brasileiras caiba uma série sobre política. Quem imagina as consequências?

 

Trailer

 

Sobre o Autor

Eric Bitencourt
Não vê todos os filmes que devia, não assiste todas as séries que devia e nem ouve todas as músicas que devia. Mas tenta. Formado em Cinema no Rio, Eric vive em Köln, na Alemanha, onde se dedica a estudar e escrever para novas mídias.

Comentários
You’re The Worst: A Comédia Que Você Provavelmente Não Está Vendo
quarta-feira, 18h59
You’re The Worst: A Comédia Que Você Provavelmente Não Está Vendo

    O que acontece quando duas pessoas auto-destrutivas e tóxicas se apaixonam e decidem embarcar em um relacionamento? Simplesmente uma das melhores comédias ao ar atualmente na televisão americana.…

Ver Post
Garry Marshall e Anne Hathaway Planejam “O Diário da Princesa 3”
segunda-feira, 15h11
Garry Marshall e Anne Hathaway Planejam “O Diário da Princesa 3”

  Já se passaram 14 anos desde que Anne Hathaway retornou como a Princesa Coroada de Genóvia, Amelia “Mia” Thermopolis, em O Diário da Princesa 2: Casamento Real. Desde então,…

Ver Post
Ben Affleck dirigirá novo filme do Batman
quinta-feira, 23h44
Ben Affleck dirigirá novo filme do Batman

Os fãs do homem-morcego têm muitos motivos para comemorar (ou lamentar). Após algumas especulações recentes, foi confirmado hoje que Ben Affleck – o ator que encarnará a nova versão do…

Ver Post
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com